DICAS: AMADUREÇA SUA DEGUSTAÇÃO DE VINHOS

Sim, beber vinho é uma arte que engloba amplas experiências. Afinal, para uma análise assertiva acerca da qualidade do vinho é preciso analisá-lo de forma visual, olfativa e por último degustativa. Por isso, existem inúmeras argumentações sobre sua degustação. Qual a forma correta? Por que giramos a taça? Como apontar a qualidade?

Vamos reunir passos importantes para você responder essas questões. Sobretudo, entender como extrair uma experiência sensorial completa da degustação de vinhos.

É preciso entender que os sentidos serão aguçados e explorados para um diagnóstico perfeito da qualidade do vinho. Também é necessário ressaltar o caráter profissional da degustação, que vai muito além de um simples hobby. Caso você queira se profissionalizar, será necessário tempo e estudo.

Para começar, é preciso entender que cada passo do processo de análise, irá explorar um sentido. O primeiro passo, é a análise visual do vinho.

PASSO 1: ANÁLISE VISUAL DA DEGUSTAÇÃO

É importante se atentar para segurar somente a haste da taça, não embaçando o vidro e nem esquentando o líquido com o calor das mãos. Afinal, o primeiro passo de análise se concentra na aparência geral do vinho.

Com a taça em um fundo branco, seja uma parede, lenço ou até um guardanapo, você deve observar as cores do vinho e de sua borda. Se a coloração se demonstrar turva ou o líquido conter partículas flutuando, pode ser um indicativo de perda de qualidade, e esse diagnóstico poderá ser concluído com a análise de outros sentidos.

Porém, caso a coloração esteja menos acentuada é um indicativo da idade do vinho, não comprometendo sua qualidade. Um bom exemplo são os vinhos brancos que com o passar dos anos ganham uma coloração mais acentuada, mas que não pode chegar aos tons terrosos, como o marrom.

Outra análise visual são as chamadas “lágrimas” do vinho. Ao fazer o movimento de inclinar a taça, as gotas que escorrem indicam o teor alcoólico do vinho. Quanto mais lenta elas escorrerem, podem indicar uma maior presença de álcool na bebida. 

PASSO 2: AROMA – ANÁLISE OLFATIVA

Esse pode ser considerado o passo mais técnico e de maior particularidade do processo de análise. Os aromas possuem papel importante nas nossas experiências como seres humanos, pois os cheiros provocam inúmeras reações no nosso cérebro. E não poderia ser diferente na degustação do vinho.

Ao colocar o vinho na taça, ele precisa repousar sendo exposto ao ar. Para maior credibilidade desse passo é necessário que o ambiente seja livre de outros cheiros e perfumes, para não prejudicar a limpeza do real aroma do vinho e também certificar com certeza cheiros que podem ser indicativos de que algo está errado com o vinho. Por exemplo, caso o vinho tenha perdido a qualidade pode se assemelhar um aroma de vinagre ou esmalte.

O famoso movimento de girar a taça se tornou um símbolo de elegância. Porém, ele vai muito além disso e ganha papel de destaque na degustação. Os aromas que compõem a bebida possuem diferentes pesos, e ao girar a taça, o vinho sofre uma pequena oxigenação e libera alguns aromas ditos mais pesados, para uma experiência real e completa do aroma.

PASSO 3: ANÁLISE GUSTATIVA

Aqui é o ponto de saborear o vinho e de se atentar aos três pilares: tanino, acidez e álcool. É preciso explorar as papilas gustativas, quanto mais alcoólico mais quente é a sensação da bebida. Já o tanino nos oferece adstringência na boca e a acidez oferece o frescor.

Em suma, vinhos considerados com um tom de acidez maior são ricos em ácidos e taninos. O teor alcoólico é apontado como aquele suaviza e equilibra esses elementos na degustação.

Nessa etapa da degustação é onde você pode conhecer mais o vinho e também saber mais sobre a própria vinícola. Onde você pode sentir a fruta, a mescla de doce e azedo e outros aspectos particulares daquela safra.

O importante é encontrar um equilíbrio nas suas papilas gustativas. Criando um aspecto de experiência completa, satisfatória e prazerosa. Para que dessa forma, você consiga harmonizar os seus vinhos de acordo com suas preferências. 

One thought on “DICAS: AMADUREÇA SUA DEGUSTAÇÃO DE VINHOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *